• Nelson Moleiro

Loimer Langenlois Ried Loiserberg Riesling 2016


Já há algum tempo que não vos falava da uva Riesling, uma das castas brancas rainhas a nível mundial, mas de difícil aceitação e harmonização gastronómica. Primeira vez que bebi estes vinhos do produtor Fred Loimer da região de Kamptal na Áustria. Nesta casa assentam valores e e filosofias de negócio que se descrevem em palavras como, respeito, biodiversidade e biodinâmica.

Descomplicado, nariz típico da casta, menos expressivo que em outros terroirs, frescura, algumas flores brancas com apontamentos de maçã verde e notas herbáceas, ligeiro mel. Na boca, boa mineralidade e acidez, amplo, boa envolvência e preenchimento com manifestação de algum crocante a denotar alguma sensação de agulha, o que acaba por eliminar o ténue açúcar residual presente, mostrando salinidade e frescura no final de boca. O querosene é ligeiro, não é o que o define estes vinho, mostra elegância na nota frutada, perfeito para acompanhar variadíssimas entradas, ou beber inclusive a solo numa tarde de outono. A chave destes vinhos é o equilíbrio entre doçura e acidez e este tem um grande harmonia colectiva de todas as valências, riqueza e autenticidade.

Castas: Riesling

Região: Kamptal, Áustria

Teor Alcoólico: 12,5% Vol

PVP: 19€

#Áustria #Riesling #vinhobranco

© 2016-2020 Táscuela

 

Leiria, Portugal - tascuela@gmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle