• Nelson Moleiro

César Márquez El Llano 2017


César Márquez El Llano 2017
César Márquez El Llano 2017

A região espanhola de Bierzo está para os vinhos como a Nazaré para o surf, é aproveitar para surfar a onda gigante enquanto é tempo. Estão a surgir vinhos de um leque de produtores que fazem corar de vergonha alguns grandes nomes no Velho Continente.


César Márquez Pérez, sobrinho de Raul Pérez, e personagem activa e com liderança presente nos vinhos de família Castro Ventosa, herdou património e conhecimentos e lançou o seu projecto pessoal em 2015, tentando separar-se um pouco do cordão umbilical familiar, que nem sempre é fácil, e justa ou injustamente, estará sempre conectado. Não me vou estender quanto à sub-região de Bierzo com os seus vinhos tintos Mencía, ou mesmo a César Márquez e família, já são assuntos devidamente explorados neste espaço, precisamente pelo meu gosto pessoal pela região e vinhos. Remeto-me de forma muito directa e sucinta à prova de um vinho que contactei pela primeira vez, César Márquez El Llano.


O El Llano 2017 é um vinho parcelar, que me pareceu, um pouco mais maduro que outros vinhos de parcela como El Rapolao, Sufreiral ou Pico Ferreira, ou que pelo menos senti mais maturação na uva, em que a acidez bem balanceada e a mineralidade lhe conferem um equilíbrio de corpo bastante harmonioso. Sente-se a fruta fresca, em bom estado de maturação, com integração de apontamentos terrosos e ligeiras especiarias e tostado, fluido mas com um certo nível de complexidade e tanino macio a conferir activação das glândulas salivares e que pede acompanhamento condigno à mesa.


Castas: Mencía (85%), Alicante Bouschet (12%), algumas castas brancas (3%)


Região: Bierzo


Teor Alcoólico: 13% Vol


PVP: +/- 27€


César Márquez El Llano 2017


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo