• Nelson Moleiro

DaTerra Viticultores Erea da Vila 2017


DaTerra Viticultores Erea da Vila 2017
DaTerra Viticultores Erea da Vila 2017

Laura Lorenzo, no seu projecto DaTerra Viticultores, continua a ser um dos produtores mais revolucionários na Galiza. As uvas deste DaTerra Viticultores Erea da Vila 2017 são provenientes de vinhas velhas com idades entre os 80 e 120 anos, Godello predominantemente, e uma pequena percentagem de Dona Blanca e Colgadeira. Os princípios visam respeitar o local de nascença e os recursos naturais, castas autóctones, viticultura orgânica e intervenção na adega minimalista.


Um nariz com notas terrosas, em que também há presença de algum floral com um lado vegetal pelo meio. Boca de volume e estrutura, com várias camadas, lembrando alguns Godello com músculo, volume e profundidade, pedia-lhe somente ser um pouco mais contido no final de boca, mais elegante e discreto, e um pouco mais de acidez para uma harmonia plena. A Ribeira Sacra pelo que vou contactando não produz grandes brancos, outras regiões galegas dão uma resposta mais competente neste âmbito, aprecio especialmente os tintos. O Erea da Vila, no estilo a que se propõe, reflecte a essência do seu terroir de origem, talvez o melhor exemplar que já provei na Ribeira Sacra. Contudo vinco a minha opinião e posição, a Ribeira Sacra oferece alguns e bons vinhos brancos, mas não tem grandes vinhos brancos, pelo menos pela minha experiência de prova, e até beber algo que me faça ver o contrário.


Cerca de 50% de uvas desengaçadas, e pisa a pé de 50% do lote, fermentação espontânea com leveduras indígenas. Maceração com peles durante 15 dias e estágio de 11 meses em ânfora de 1000 litros.


Castas: Godello, Dona Blanca e Colgadeira


Região: Ribeira Sacra, Galiza


Teor Alcoólico: 12,5% Vol


PVP: +/- 18€


DaTerra Viticultores Erea da Vila 2017


0 comentário

Posts recentes

Ver tudo