• Nelson Moleiro

Destinos Cruzados As Regadas 2015


Destinos Cruzados As Regadas 2015

Tempos de calor, a época veraneante, pede-nos vinhos que consigam superar o desafio de termómetros a fazerem tilt nos 30-40 graus Celsius. Neste sentido de raciocínio, os tintos são um tipo de vinho com menos procura nestes meses, contudo existem algumas e boas excepções. Vinhos tintos de regiões que confiram acidez, mineralidade, salinidade, aliados a uma filosofia de extracção e concentração moderada, e servidos à temperatura certa, são sempre grandes opções. Eu procuro sempre que posso estes vinhos. Desde os famosos Pinot Noir e Gamay franceses, aos tintos monocasta e de lote por exemplo das Rías Baixas, com uvas tintas de Caíno, Mencía, Brancellao ou Espadeiro. São vinhos com frescura ímpar, de cor aberta, salinos e com acidez elevada, o que a meu ver se torna o ideal para os meses de Verão, quer por serem mais apelativos ou porque nos apetece beber algo sem pensar muito, relaxar, com férias e descanso à mistura. Tintos a estalar de frescura e com acidez, vamos lá a isso.


As Regadas é o vinho tinto do projecto Destinos Cruzados, Óscar Cidanes Dominguez, sommelier galego, e Marcial Dorado, enólogo e produtor, que se lançaram a meias neste projecto. As vinhas com cerca de 20-30 anos, muito próximas da fronteira de Portugal, com uvas das castas Mencía, Brancellao e Espadeiro, dão origem a este vinho guloso e fresco, fermentação alcoólica em tanques de inox recorrendo somente a leveduras indígenas, com posterior fermentação maloláctica e estágio em barricas de carvalho. O resultado é um vinho rústico com um nariz de fruto vermelho fresco e algum herbáceo, limpo, bom estado de maturação das uvas envolto em ligeiro apontamento de especiaria. A boca é ampla, bastante acidez e bem aberto, tanino fino bem presente, revela estrutura para se manter em guarda durante muito mais tempo apesar do baixo teor alcoólico revelado. Para os amantes deste estilo de vinho mais leve e gastronómico, directo, de ADN Atlântico, temos vinhaça tinta para acompanhar pratos de Verão. Que tal umas sardinhas, vai?


Castas: Mencía, Brancellao e Espadeiro


Região: Rías Baixas, Galiza


Teor Alcoólico: 12,5% Vol


PVP: +/- 18,50€

#VinhoTinto #Galiza #RíasBaixas #DestinosCruzados




© 2016-2020 Táscuela

 

Leiria, Portugal - tascuela@gmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle