• Nelson Moleiro

Niepoort Voyeur 2019


Niepoort Voyeur 2019
Niepoort Voyeur 2019

Atravessamos tempos estranhos no mundo dos vinhos, a era do tudo bom, se caro então melhor. A própria Niepoort com a valorização de marca que alcançou, coloca vinhos em segmentos difíceis de acompanhar pelos preços que se predispõem a serem vendidos. Mas caraças, conseguem também oferecer excelentes vinhos nas gamas mais acessíveis, inovadores, cheios de carácter, vinosos. Muito bem este Voyeur 2019, e sendo o universo Niepoort mais ou menos controverso e não consensual, mas de sucesso e mérito inegáveis, há que dar os parabéns por apostas como estas. Vinhos destinados a um gosto e consumidor mais moderno, sobretudo estas novas gerações na linha Nat Cool.


Foge do vinho tranquilo clássico na região, na vinificação e perfil que habitualmente nos lembra o Douro com opulência, estágio e concentração. Ao invés, o Niepoort Voyeur 2019 surge no copo com cor aberta, aromas de fruta vermelha limpa, puro, em bom estado de maturação. Em boca, fresco e delicado, enérgico e com tanino fino, de corpo leve e álcool moderado, a lembrar alguns aromas e sensações de lagar e notas terrosas da fermentação e estágio no barro. Não é DOC Douro, é IVV, mas venham mais vinhos destes por favor. Bebe-se com uma leveza e avidez que atestam e confirma a minha preferência por néctares assim.


Uma boa sugestão para quem concorda e se identifica com estes vinhos e gosto.


Nota do produtor:


“O Voyeur é um vinho fermentado e macerado em talhas de barro de 1000 litros durante vários meses. Em cada talha fermenta e macera uma vinha velha proveniente de um local diferente no Douro. Aqui as castas são um fator secundário, dando importância à complexidade da mistura das mesmas, incluindo as castas brancas. Vinhas entre os 40 e os 50 anos de idade, de zonas altas, com um perfil mais fresco de modo a poderem macerar durante meses sem perder o seu caracter.(…) A mistura de castas nas vinhas, incluindo as brancas, é um fator preponderante para a complexidade aromática e estrutura do vinho. Após os meses de maceração o lote entre as 6 talhas foi efetuado em cuba de inox e colocado novamente em 5 talhas para estagiar durante mais 2 a 3 meses até ao engarrafamento.”


Castas: Mistura de vinhas velhas com castas tradicionais da região, tintas e brancas


Região: Douro


Teor Alcoólico: 11,5% Vol


PVP: +/- 19€


Niepoort Voyeur 2019

Niepoort Voyeur 2019

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo