• Nelson Moleiro

O Santo do Mar Tinto 2017

Atualizado: Ago 24


O Santo do Mar Tinto 2017
O Santo do Mar Tinto 2017

É um vinho tinto que resulta de mais uma aposta de Rodrigo Mendéz. Além do seu trabalho nas Bodegas Forjas de Salnés, executa certos experimentos a título pessoal e de aposta na conservação do património vínico regional. O Santo do Mar Tinto 2017 não tem denominação de origem, sendo produzido na adega Forjas del Salnés, no coração de Salnés nas Rías Baixas, é lançado no mercado sem D.O.

É um tinto pura e genuinamente Atlântico, exclusivamente da casta Tinta Fêmea na zona de Cela, que dizem ser Caiño Tinto ou Caiño Redondo, e provavelmente o nosso Borraçal ou Vinhão, há alguma incerteza e controvérsia. O certo é que este vinho, em prova, é um puro Caiño galego, vibrante, com acidez a rasgar e com baixo álcool, tendo apenas 11,5% Vol de álcool. No nariz é muito aberto, com um bouquet floral interessante e evidente (não sou botânico nem florista para especificar de forma tão esclarecida), alguma sensação herbácea, por vezes lembrando-me alguns Cabernet Franc do Loire ali com a pimenta e pimento pelo meio. Em boca ele bate, e bate bem, uma acidez bem vincada, amplo, tanino seco, salino, pouco focado na fruta madura, ao invés temos fruto vermelho fresco e com alguma especiaria e amargor de final, salivante. Facilmente acompanha qualquer iguaria, e como muitos deste estilo, um vinho que segmenta o provador, o enófilo, sendo o Anti-Cristo para qualquer xaropeiro.


Castas: Tinta Fêmea (Caiño Tinto)


Região: Galiza


Teor Alcoólico: 11,5% Vol


PVP: +/- 27,50€


O Santo do Mar Tinto 2017

O Santo do Mar Tinto 2017

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo