• Nelson Moleiro

Terras do Mendo Encruzado 2015 (Parte 2)


Terras do Mendo Encruzado 2015

“Diga-me um! Diga-me um!!!”. Diga-me um vinho branco nacional que, na ordem dos 5-7€, mostre esta complexidade e frescura após 6 anos. Um vinho modesto, sem pretensões de altos voos, ambiciona somente mostrar-se pelo que é, para quem sabe e tem experiência em esperar pelo encruzado, um vinho que cresceu e tornou-se mais adulto. No nariz já apresenta marcadores de evolução, alguma oxidação, mas que em nada denigre a prova nem inflige negativamente. Na boca volume, dimensão e envolvência, seco, longevo no final, diria cremoso, convida a gastronomia composta e com gordura à mesa. Conseguiu passar no teste do tempo, ganhando estrutura, que a barrica lhe conferiu, mas mantendo acidez e mineralidade granítica.


Já tinha falado deste vinho Terras do Mendo Encruzado 2015 no ano de 2018, e venho novamente referir esta colheita pela surpresa que ainda me causa para um vinho deste patamar. Quem quiser conhecer um pouco mais da história deste vinho convido a ver aqui a publicação de Novembro de 2018: Terras do Mendo Encruzado 2015 (www.tascuela.com/post/terras-do-mendo-encruzado-2015 )


Castas: Encruzado

Região: Dão

Teor Alcoólico: 13% Vol

PVP: +/- 7€



0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

© 2016-2020 Táscuela

 

Leiria, Portugal - tascuela@gmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle