• Nelson Moleiro

Tissot Patchwork Chardonnay 2018


Bénédicte e Stéphane Tissot Patchwork Chardonnay 2018

Chardonnay proveniente de vinhas com mais de 25 anos, com uma média de 50 anos de idade, de múltiplos locais em solos argilosos e também calcários na região de Arbois. É a forma perfeita de me introduzir nos vinhos e estilo de Stéphane e Bénédicte Tissot, um dos produtores mais reconhecidos e vibrantes do Jura. Há muitas décadas que seguem a agricultura biodinâmica, e no que toca a brancos, são famosos os seus exemplares de Chardonnay e Savagnin, vivos, energéticos e muito precisos.


Bénédicte e Stéphane Tissot Patchwork Chardonnay 2018. O próprio nome deste vinho, Patchwork, que poderá ser traduzido como "mistura", dá-nos a definição resumida do que temos pela frente, um blend de uvas de Chardonnay provenientes de 5 parcelas diferentes, 60% em solos de argila e 40% em calcário. Fermentação espontânea com leveduras autóctones em barricas de 228 litros, seguida de maloláctica e maturação de 12 meses nas mesmas.

Nariz com fruta branca bem madura, algum citrino, e flores brancas, nota-se também fruto seco, alguma expressividade global. Boca com muito volume, casca de citrinos, complexo, com muita matéria em plena harmonia no palato médio, termina longo, mineral, cremoso, e com enorme salinidade que lhe dá uma secura deliciosa. O que posso sugerir é que decantem o vinho e que o abram com uma hora de antecedência, torna-se mais limpo e equilibrado mas mostra todo o seu potencial enérgico, carácter e virtudes.


É um belo exemplar de Chardonnay do Jura, com preço pouco acima de 20€, que me leva a desejar conhecer melhor os vinhos de Stéphane e Bénédicte Tissot.


Castas: Chardonnay


Região: Jura, França


Teor Alcoólico: 14% Vol


PVP: +/- 21€




0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

© 2016-2021 Táscuela

 

Leiria, Portugal - tascuela@gmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle