MAD Vale Furado

22.02.2017

 

Comer e beber. É isso que nos move a todos, e se no âmbito dos vinhos gosto de ser abrangente e chegar a todas as capelinhas, nesse mundo infindável de variedades, surpresas e novidades, no que toca à barriguinha não fico atrás. E hoje vamos deixar um pouco os vinhos em segundo plano e falar de sabores, boa comida, gastronomia de coração e paixão. Vamos falar do restaurante MAD na praia do Vale Furado, o qual visitámos no início do mês.

O MAD chegou ao meu conhecimento de duas maneiras distintas, primeiro pelo boca a boca de conhecidos que já conheciam o espaço, depois em conjunto o Slavo, proprietário, passou a seguir o nosso blog, e veio a revelar-se um verdadeiro apaixonado e conhecedor de vinhos. Passei a acompanhar à distância todo o trabalho que ele e a Ana Pereira desenvolvem no seu cantinho, e finalmente consegui agendar a visita tão ambicionada.

Quanto ao nome escolhido para o espaço, MAD, está brutal, encaixa bem no que somos e o conceito é tudo aquilo com que me identifico, um local descomprometido, acolhedor, onde os clientes são convidados a desfrutar de toda uma experiência gastronómica diferente e inovadora. Existem três pontos essenciais que tornam este lugar excepcional e sem dúvida de sucesso: a qualidade dos produtos, o serviço e aconselhamento personalizado, e a qualidade da confecção e a magia extra, afinal eles são MAD, Two Spicy Chefs. É notória a paixão com que cada prato é trabalhado e apresentado a quem está do outro lado, o cliente, afinal de contas a gastronomia é também um meio de expressão pessoal e cultural.

 

 

 

 

 

 

 

Qualidade dos Produtos

 

 

Antes de visitar, já me tinha apercebido de um aspecto interessante, a frescura e origem dos produtos era fundamental para este restaurante, e desta forma, se a melhor carne para executar um belo naco vem de Melgaço, é lá que se vai buscar, se os enchidos e queijos são melhores nos produtores regionais, é lá que os vamos escolher e seleccionar. Da horta para a mesa, um slogan popular nesta casa.

 

Serviço e Aconselhamento

 

O aconselhamento é fundamental em qualquer serviço prestado, e na restauração é um pilar importantíssimo. Quem aqui chega é aconselhado perante a oferta de menu e estilo de refeição que pretende efectuar, existem por exemplo variados petiscos para partilhar ao som de boa música ambiente na companhia de amigos e de um bom copo de vinho, mas também pratos principais e mais robustos para quem o pretender, escolha não falta. Fiz o que sempre faço quando visito um local pela primeira vez, aceito sugestões, e perante isto meus caros só digo, uma verdadeira degustação e viagem gastronómica inesquecível, sabores do mundo. Das muitas opções existentes no dia da nossa visita optámos por esta refeição "ligeira" que durou das 14h às 17h.

 

Qualidade na Confecção e Toque Pessoal

 

Se há coisa que não sou é expert nos tachos, mas quanto ao prato aí já sou especialista. Tudo o que aqui comemos tem um rigor de confecção de nível de excelência, só ao alcance de alguns, e a identidade pessoal da cozinha marca todos os pratos que saem para a mesa. Por exemplo podemos ver berbigão, ameijoas, lingueirão, moelas, tudo nomes e pratos conhecidos e famosos em restaurantes da nossa costa atlântica. Aqui, a grande surpresa é a maneira como são confeccionados, com novos sabores e têmperos, especiarias fora do tradicional, o dito toque pessoal. E que tal uma moelas com um toque de especiarias e sabor de manga à mistura? Ou filete de dourada sobre uma cama de feijão verde com uma massa filo para dar textura ao prato com um cheirinho de compota/chutney de cebola? Muito bom!

 

Nos pratos principais, qual deles o melhor, o mais irreverente, e que tal começar pelo risotto gamberi, a escolha da socialite Andreia "Capaz", o melhor risotto que já provámos dentro de fronteiras, cheio de sabor e complexidade, com uma textura certa e correcta, o que um verdadeiro risotto deve ser. É o dito prato da morte, aquele que ou fazes bem ou é melhor estares quieto pois passas a servir um simples arroz ao qual não podes chamar risotto. Não vou dizer 5 estrelas, hoje em dia isso é uma coisa exclusiva do "grande" Tripadvisor, só eles gostam de ter, vou simplesmente dizer que é do caraças! Find Dory, mais um nome original que dá lugar a um prato de peixe galo com excelente apresentação e boa aposta. E quanto à carninha? Vejam as fotos em baixo, superiormente acompanhada de batata doce e com um molho de queijo, do mais suculenta, servida no ponto ideal, onde colocas o garfo em cima e ela dança tipo yo-yo. Como bónus ainda te trazem um maravilhoso piri-piri reguila caseiro, como lhe chama o Slavo. Viva esta cozinha! Carinho, amor, paixão e compaixão pelos clientes!

 

Na sobremesa, a sugestão do dia foi o Choco Louco, uma sobremesa para verdadeiros amantes de chocolate, várias texturas de chocolate numa espécie de petit gateau (bolo de chocolate húmido) contendo azeite e flor de sal, com uma lágrima de mousse de chocolate por cima, you got to love it!

 

 

Entradas / Pratos para Partilhar

 

 

Tábua de queijos, enchidos e vegetais

 

 

Moelas

Estas com especiarias e manga, uma delícia

 

 

 

Camarão "Ferro"

Camarão preparado e trabalhado com toque de magia em frigideira

 

 

 

 

 

 

Filete de Dourada com Massa Filo e Feijão Verde, rodeado de Chutney de Cebola

Estou a inventar nomes, foi uma entrada surpresa não constante da lista

 

 

 

 

 

Pratos

 

 

Risotto Gamberi

 

  

 

Find Dory

Peixe galo

 

 

 

Bife à Snob

 

 

  

 

Sobremesa

 

Choco Louco

Várias texturas de chocolate, não havia espaço para mais

 

 

 

 

E os Vinhos?

 

Eu disse que ia deixar os vinhos em segundo plano, mas achavam que não vinha falar de vinhos? Impossível, para além disso o Slavo é um bom apreciador nesta área, e mostra um conhecimento e selecção criteriosa no que oferece aos clientes. Deparei-me no MAD com uma garrafeira que me surpreendeu muitíssimo, com vinhos raramente vistos na restauração na nossa zona, uma oferta vasta e diversificada tendo em conta se tratar de um restaurante de pequena-média dimensão. Um pouco em conversa, notei que estamos no caminho certo, a carta de vinhos de um restaurante não pode ser demasiado fixa, e deverá estar sempre em crescente simbiose com as ofertas gastronómicas que se vão criando, e os óptimos vinhos que vão surgindo no nosso país, muitas vezes de produtores que não têm o poderio comercial de marcas badaladas. Parabéns pela aposta, muito interessante!

 

 

 

Nas entradas optei por um branco do Dão, um Bella Superior 2014 Sauvignon Blanc, com belos aromas citrinos e vegetais, num vinho de bom corpo e acidez, ideal para acompanhar iguarias de sabor intenso.

 

 

Para os pratos principais veio para a mesa a sugestão da casa, um Quinta dos Termos Reserva Riesling 2014, mostra aromas citrinos de limão e a maçã, e na boca acidez vibrante e bom volume, um vinho e casta do qual sou inculto.

 

 

 

Na sobremesa, mais uma harmonização sugerida, e para acompanhar o Choco Louco, foi-nos recomendado um Quinta do Noval Black Edition, um vinho do Porto servido ligeiramente refrescado, de cor bem escura, de carácter frutado e delicado, muito bom para uma sobremesa de chocolate.

 

 

O MAD é um Bistrô/Gastro Bar obrigatório visitar, especialmente para quem é amante de experiências novas e também de bons vinhos. Possui também uma óptima esplanada com vista para a bonita praia do Vale Furado. Venham e apaixonem-se por esta cozinha criativa e de autor. Entrou no meu top de preferências. Parabéns!

 

Clique na imagem para aceder à Página de Facebook do MAD

 

 

 

Please reload

DICAS DE VINHOS BOA COMPRA!

#1 

Muxagat Os Xistos Altos Rabigato 2014

Douro (Branco)

 

#2

Primus 2015

Dão (Branco)

 

#3

Quinta da Pellada Estágio Prolongado 2011

Dão (Tinto)

#4

Dão A Centenária 2015

Dão (Tinto)

#5

Luís Pato Vinhas Velhas 2017

Beira Atlântico (Branco)

#6

Em Cru 2017

Dão (Branco)

#7

António Madeira Colheita 2016

Dão (Tinto)

#8

Argau Cuvée Bruto

Beira Atlântico (Espumante)

#9

Quinta da Serradinha Encruzado e Arinto 2016

Encostas d'Aire / Lisboa (Branco)

#10

Conciso 2014

Dão (Branco)

Actualizado em Junho de 2019

ARTIGOS RECENTES

Também vais gostar

04.11.2019

31.10.2019

Please reload

Please reload

© 2016-2019 Táscuela

 

Leiria, Portugal - tascuela@gmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle