Quinta do Cardo Reserva 2012 Touriga Nacional

20.07.2017

 

Vamos de férias, ausentar por uns dias, descansar sobretudo. Mas é em períodos de férias, que surgem as melhores oportunidades para desfrutar e aproveitar bons vinhos na companhia de família e amigos. Os melhores vinhos são mesmo esses, os que se bebem à mesa com os amigos. Altura também para pensar e afinar novos projectos e ideias.

 

Contudo, não vou embora sem primeiro vos falar de um vinho que se destacou no meu humilde copo nestas últimas semanas. E trata-se de um vinho tinto, numa altura que tenho bebido muito mais brancos e rosés. E fomos à região da Beira Interior, e porque não a Beira? Tal como falámos há poucos dias aquando de uma publicação dos vinhos de Trás-os-Montes, grandes vinhos e distintos estão a surgir nestas regiões menos badaladas, únicos, com personalidade própria. A diferença desperta sempre inovação e melhoria em geral, e aqui no mundo dos vinhos vejo dessa mesma forma!

 

A Quinta do Cardo tem trazido para o panorama nacional vinhos de altíssima qualidade, tanto tintos como brancos! Vinhos D.O.C. Beira Interior, no distrito da Guarda, com vinhas numa cota média dos bem altos 750 metros de altitude. São estas condições que permitem obter vinhos com características próprias a refletirem toda a potencialidade e características do terroir de origem!

Com este
Quinta do Cardo Reserva Touriga Nacional 2012 quisemos ver o comportamento da casta tinta mais ubíqua em Portugal naquela região do nosso país! Os vinhos de Touriga costumam ser vinhos muito poderosos e intensos, de cores vivas e carregadas, numa mescla de aromas e sabores florais intensos e também frutados, onde em algumas regiões a componente vegetal ganha destaque! É uma casta nacional de renome, e os seus vinhos regra geral muito ávidos ao envelhecimento em garrafa.

 

Quinta do Cardo Reserva 2012 Touriga Nacional

Temos um vinho de cor rubi carregada, com excelentes aromas florais, com grande vigor e expressividade, apresentando de imediato, e ao primeiro contacto, uma frescura aliciante. Apesar dos 20 meses de estágio em carvalho francês, as notas tostadas são discretas, bem casadas com a fruta, bem presente, e que harmoniza que nem ginjas com a mineralidade, com uma acidez que lhe dá a frescura necessária e a convicção fiel que vai envelhecer muito bem em garrafa e ganhar ainda mais complexidade e curiosidade.

 

 

 

 

 

Os quatro anos em garrafa, dão-lhe já uma certa elegância de perfil, retirando-lhe aquela conotação austera inicial que certamente teria, apesar de ser um vinho que considero que melhorará ainda mais com a espera. Apesar de pedir para a mesa pratos densos e com bastante estrutura, a frescura que detém, permite obter dele uma enorme satisfação em diversos registos, muito polivalente, mesmo nestes meses quentes de verão. Um Touriga diferente, um touriga excelente, um touriga delicioso!

 

 

Castas: Touriga Nacional

 

Região: Beira Interior

 

Teor Alcoólico: 13,5% Vol

 

PVP: +/- 10€

Please reload

DICAS DE VINHOS BOA COMPRA!

#1 

Muxagat Os Xistos Altos Rabigato 2014

Douro (Branco)

 

#2

Primus 2015

Dão (Branco)

 

#3

Quinta da Pellada Estágio Prolongado 2011

Dão (Tinto)

#4

Dão A Centenária 2015

Dão (Tinto)

#5

Luís Pato Vinhas Velhas 2017

Beira Atlântico (Branco)

#6

Em Cru 2017

Dão (Branco)

#7

António Madeira Colheita 2016

Dão (Tinto)

#8

Argau Cuvée Bruto

Beira Atlântico (Espumante)

#9

Quinta da Serradinha Encruzado e Arinto 2016

Encostas d'Aire / Lisboa (Branco)

#10

Conciso 2014

Dão (Branco)

Actualizado em Junho de 2019

ARTIGOS RECENTES

Também vais gostar

04.11.2019

31.10.2019

Please reload

Please reload

© 2016-2019 Táscuela

 

Leiria, Portugal - tascuela@gmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle