Anselmo Mendes Contacto Alvarinho 2012

06.09.2017

 

Já lá vai o tempo em que para o vinho verde era um vinho de "recurso", uma opção relativamente barata na altura de escolher um vinho simples e feito para ser bebido jovem, normalmente em épocas quentes e associado a mariscadas e ambientes balneares. Esta era a minha visão perante o vinho verde, tempos de um verdadeiro maçarico em que nem sequer sonhava que o vinho seria um dos meus principiais hobbies e paixão!

 

Hoje tenho isto bem presente: Vinho verde de qualidade e ligeiramente envelhecido, opção válida e de excelência. E quando falamos de excelência no vinho verde, o nome Anselmo Mendes surge à cabeça, é graças a pessoas como ele que a região tem ganho reconhecimento em termos de qualidade e dinâmica, a visibilidade já lá estava, colocando o Alvarinho lá bem no topo em termos qualitativos, a que progressivamente se vão juntando uvas como Loureiro, Avesso ou Azal, cada vez mais a ganharem expressão e destaque.

 

Anselmo Mendes Contacto Alvarinho 2012 

 

E o que me seduz e agrada especialmente neste Alvarinho? Em primeiro lugar é um excelente vinho para ser bebido de imediato, mas alguns anos em garrafa trouxeram uma complexidade e alteração no aroma e sabor do Alvarinho, ficando um vinho ainda mais tranquilo, mantendo acidez quanto baste mas a ganhar valor no seu carácter vegetal, amargura, e menos "tropicalidade" inerente à endogenia do Alvarinho no terroir dos Vinhos Verdes, neste caso preciso, a sub-região de Monção e Melgaço.

 

A minha recomendação pessoal é guardar por 6 a 10 anos de caras. Neste caso abrimos uma garrafa da colheita de 2012 e durará mais uns anos em garrafa. Para acompanhar escolhi uma harmonização clássica, um belo arroz de peixe. O mais belo e apaixonante nisto tudo é saber que tenho um par de garrafas Magnum da colheita de 2014 para confirmar esta teoria daqui a uns anos!

 

 

 

 

 

Cheers!

 

Castas: Alvarinho

 

Região: Monção e Melgaço

 

Teor Alcoólico: 13% Vol

 

PVP: +/- 10€

 

Please reload

DICAS DE VINHOS BOA COMPRA!

#1 

Muxagat Os Xistos Altos Rabigato 2014

Douro (Branco)

 

#2

Primus 2015

Dão (Branco)

 

#3

Quinta da Pellada Estágio Prolongado 2011

Dão (Tinto)

#4

Dão A Centenária 2015

Dão (Tinto)

#5

Luís Pato Vinhas Velhas 2017

Beira Atlântico (Branco)

#6

Em Cru 2017

Dão (Branco)

#7

António Madeira Colheita 2016

Dão (Tinto)

#8

Argau Cuvée Bruto

Beira Atlântico (Espumante)

#9

Quinta da Serradinha Encruzado e Arinto 2016

Encostas d'Aire / Lisboa (Branco)

#10

Conciso 2014

Dão (Branco)

Actualizado em Junho de 2019

ARTIGOS RECENTES

Também vais gostar

04.11.2019

31.10.2019

Please reload

Please reload

© 2016-2019 Táscuela

 

Leiria, Portugal - tascuela@gmail.com

  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Twitter - Black Circle